Vodafone

Índice Nacional de Satisfação do Cliente

A Vodafone tem o maior índice de satisfação dos Clientes no sector das telecomunicações, de acordo com o Relatório ECSI Portugal de 2012.

O Relatório ECSI (European Customer Satisfaction Index) é realizado anualmente e apura o Índice Nacional de Satisfação do Cliente no sector das telecomunicações. Abrange os operadores de serviços móveis, fixos, internet e de televisão por subscrição.

Tal como nos últimos anos, a Vodafone surge classificada em primeiro lugar nos dois subsectores em que é avaliada – Serviço Telefónico Móvel e Internet Móvel – em todas variáveis apresentadas neste estudo:

  • Imagem que os Clientes têm do operador
  • Expectativas
  • Qualidade Apercebida sobre a Rede e Serviços do Operador
  • Valor Apercebido face ao preço pago
  • Satisfação com o operador
  • Reclamações recebidas
  • Tratamento e a Lealdade dos Clientes relativamente ao seu operador.


Face ao ano anterior, a Vodafone viu reforçados os elevados níveis de Satisfação dos Clientes, do seu serviço telefónico móvel e, continua a ter os Clientes mais satisfeitos, no mercado nacional de telecomunicações.

A divulgação deste estudo contribui, mais uma vez, para o esclarecimento do público sobre os índices de satisfação dos Clientes de cada operador.
O estudo ECSI Portugal – Índice Nacional de Satisfação do Cliente resultou da adesão de Portugal ao projecto ECSI (European Customer Satisfaction Index), iniciado em 1999 pela Comissão Europeia e pela EOQ (European Organization for Quality). O projecto tem como objectivo a análise da satisfação dos Clientes utilizando a mesma metodologia nos diversos Estados-Membros, permitindo assim uma análise comparativa entre os diferentes sectores de actividade em cada país.

Pode consultar a divulgação deste estudo pela pela entidade reguladora do sector das comunicações aqui.

O ECSI Portugal é realizado pelo Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação da Universidade Nova de Lisboa em parceria com a Associação Portuguesa para a Qualidade e o Instituto Português da Qualidade.